Quarta, 12 de Junho de 2024
°

Educação Educação

Escolas do Piauí terão disciplina sobre Inteligência Artificial, anuncia secretário

O objetivo é incluir a matéria entre as disciplinas regulares do Ensino Médio já no próximo ano letivo

29/06/2023 às 19h58
Por: Gustavo Mesquita Fonte: Cidade Verde
Compartilhe:
Escolas do Piauí terão disciplina sobre Inteligência Artificial, anuncia secretário

 

 

O secretário de Educação, Washington Bandeira, confirmou nesta quinta-feira (29) a inclusão da disciplina de Inteligência Artificial na educação pública do Piauí. O objetivo, segundo o gestor, é incluir a matéria entre as disciplinas regulares do Ensino Médio já no próximo ano letivo.

“O governador nos deu essa missão de inclusão dessa disciplina entre as disciplinas regulares da educação pública do Piauí nas nossas escolas para o próximo ano letivo. Então nós vamos trabalhar junto ao Conselho Estadual da Educação que aprova o currículo e alterações no currículo do Piauí para que nós possamos inserir essa disciplina”, informou o secretário. 

Washington Bandeira ressaltou ainda que a nova modalidade do Ensino Médio possibilita que o currículo não precise de aprovação do Conselho Estadual.

“Talvez até gente nem precise aprovar no Conselho porque o currículo ele dá um espaço dentro dos itinerários formativos do novo Ensino Médio para que a gente possa inserir disciplinas como essa e bastante importante porque ela está alinhada ao que há de mais moderno em discussão em termos de tecnologia da informação do mundo e essa a nossa inclinação de tornar o ensino e aprendizagem mais atrativo para os nossos alunos”, ressaltou.

Sobre a contratação de profissionais para ministrar a disciplina, o secretário disse que ainda será estudada a melhor maneira e que não há previsão de contrato através de um concurso público específico.

“A nossa ideia é construir uma matriz específica para essa disciplina. Com relação a professores especializados nós iremos contratar, seja através de teste seletivo, através do notório saber que é uma possibilidade de contração direta, concurso público, por hora não temos previsão para contratar de profissionais nessas áreas mais modernas do conhecimento porque elas são muito dinâmicas, mas a nossa ideia é trabalhar por um concurso durante a gestão para os profissionais em geral”, acrescenta.

Ainda durante entrevista, o gestor acrescentou que as escolas de tempo integral devem passar por uma reforma estrutural até o início do próximo ano letivo.

“Nós estamos no passo da implementação da matriz curricular do tempo integral das 104 novas escolas que nós vamos transformar em tempo integral neste ano. Nós já podemos dizer que essas 104 novas escolas elas já são de tempo integral porque elas já estão funcionando com uma nova carga horária que engloba os turno e as disciplinas. Agora o que a gente quer avançar é na infraestrutura física, novas salas, laboratórios e tudo isso a gente vai fazer até o início do ano letivo do próximo ano”, ressaltou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.